Briva Gráfica e Comunicação Visual

Empresa Vip

Briva Gráfica e Comunicação Visual

13135 | 3

Fábrica Criativa


Facebook Instagram


5 Conselhos Infalíveis para melhorar suas Campanhas de E-mail Marketing

69 visualizações Editar a postagem | Excluir postagem

5 Conselhos Infalíveis para melhorar suas Campanhas de E-mail Marketing

Em certos casos as campanhas de email marketing podem ter erros que afetam realmente o desempenho; para que isto não aconteça deve-se prestar extrema atenção nos pequenos detalhes que, ao final de tudo, farão a grande diferença.

Muitas campanhas de email marketing se descuidam em relação ao que realmente estão buscando. Não se trata apenas de enviar milhares de mensagens com uma imagem atrativa para simplesmente dizer: “Estou aqui, olhe para mim”.

O email tem alcançado até 82% de eficácia nos Estados Unidos, sem dúvida, uma excelente estatística que te animará a conhecer esta estratégia de marketing digital.

#1 Crie estratégia concreta

Uma campanha de email marketing deve estar respaldada por uma estratégia que busque atingir os reais objetivos traçados. Por isso, é necessário que esta estratégia seja concreta, que mostre os passos e as formas em que se espera cumprir a meta.

#2 Não confunda as ferramentas

No email marketing existem termos como “mailing” e “newsletter”, que de nenhuma forma devem ser confundidos. O mailing é uma espécie de anúncio publicitário que apresenta certo produto ou serviço e que pode estar difundido de maneira massiva.

Já a newsletter possui características mais informativas, fazendo com que seja enviado de forma mais periódica.

Veja então que diferenciar os termos é importante no sentido de se evitar, por exemplo, envio de mailing de forma períodica, o que fará com que a mensagem se torne um verdadeiro spam.

Uma norma de ouro que deve ser seguida em qualquer estratégia de email marketing é procurar ter equilíbrio nos envios. Não se deve exceder na quantidade de emails e nem esquecer que seus clientes necessitam ver a informação, promoções e produtos que tem para cada um deles.

#3 Faça uma boa segmentação

Seus clientes não são iguais entre si. Alguns tem gostos que outros não tem, formas de ser distintas e estas características definitivamente influenciam na hora em que eles forem escolher seu produto ou serviço. O primordial é que você conheça sua audiência.

Algo que diz muito sobre um cliente é a forma como ele se inscreveu para receber seu conteúdo; um usuário que se subscreveu em uma “landing page” demonstra que já está familiarizado com suas publicações em redes sociais.

Se o registro foi feito através de uma busca na internet, quer dizer que este usuário está buscando algo específico. Se sua interação dentro da página gera informação suficiente para saber quais são seus interesses, definitivamente não deixe de utilizar esses dados para criar uma campanha bem segmentada de email marketing.

Para que tenha êxito em uma segmentação, deve ter em conta que as métricas exibidas pelo Google Analytics serão seu principal aliado; se você se descuidar no uso desta ferramenta, seguramente poderá não alcançar os objetivos traçados no início da campanha.

#4 Não economize com a arte

Não se esqueça de que a arte utilizada em uma campanha tem extrema importância. As ilustrações devem ser atrativas, bem organizadas e distribuírem bem o conteúdo que deseja fazer chegar até seus clientes.

Uma newsletter deve ser marcada pelas cores e características de sua marca. De igual forma deve-se levar em conta que a tipografia representa uma porcentagem importante dessa mensagem que pretende enviar. Para o cliente é estranho observar tipografias que não coincidem com a marca, o que reduz a percepção de confiabilidade.

Agregar botões de ação a esse email marketing é outro ponto extremamento importante. Chamar os clientes para praticarem ações como subscrições, downloads, e cliques em links para redes sociais são coisas a serem consideradas para organizar sua estratégia.

#5 Facilite o registro do usuário

O registro é praticamente o mais importante dentro da sua campanha de marketing. Sua página deve ter um espaço onde a pessoa impactada possa inserir seus dados e email.

Garanta que esse registro seja o mais curto possível, pois as pessoas não têm tempo para preencher um formulário que tome mais que 10 minutos. Se possível, facilite esse registro conciliando-o com as redes sociais.

Uma última recomendação que podemos falar é sobre a criação de uma base de dados para fazer chegar nossos emails. Procure criá-la de maneira orgânica e jamais compre uma lista, pois certamente estará carregada de e-mails pertencentes a usuários que não são seu alvo.

Autora: Fernanda Brito
Fonte: https://www.negociosyemprendimiento.org/2018/07/diseno-email-marketing.html

0 Comentários | Publicado em: 10 de Agosto de 2018 às 14:48

Ainda não possui cadastro? Cadastre-se
Você já fez o cadastro? Logue-se

Nenhum comentário